Dicas Básicas para Trekking

Uma atividade tão antiga quanto a humanidade foi redescoberta: caminhar. E não estamos falando de passear no shopping ou de ir a pé para o trabalho. A versão moderna da caminhada é chamada de trekking e tornou-se uma atividade tão popular no Brasil que existem até associações e campeonatos organizados da modalidade. Os mais de 300 000 brasileiros adeptos do esporte se autodenominam, com orgulho, de trekkers. Para entrar nessa categoria, não há limites de idade ou necessidade de preparo físico especial. Basta a disposição. O trekking consiste em sair andando em grupo a fim de explorar a natureza ou cumprir um roteiro. O que conta é a experiência vivida durante o trajeto: a paisagem, a emoção de perder a trilha e depois reencontrá-la, o desafio físico de alcançar o pico de um morro e a possibilidade de ajudar um companheiro a transpor um obstáculo. É um misto de aventura, esporte e turismo.

 

  1. CUIDADO COM OS PÉS: Use algo para lubrificar os pés e evitar a abrasão; pode ser vaselina, Hypoglós, que podem ser passados dentro da meia. Ou até mesmo sabão, que é antiséptico e pode ser útil quando a pele começa a sair e acaba por evitar infecção.
  2. Tênis: Item importantíssimo. Nunca utilize um calçado (bota, tênis) novo na caminhada, se necessário use-os antes de caminhar. Uma bolha no pé pode retardar sua caminhada ou mesmo inviabilizá-la.
  3. Roupas folgadas e confortáveis são eficientes e ajudam no desempenho.
  4. Use o Trekking Pole (bastão de caminhada) para diminuir o máximo de peso nos pés.
  5.  Lixo:  você é responsável pelo seu lixo! Lembre-se de trazer de volta tudo o que levar.
  6. Beba  água: O homem pode sobreviver aproximadamente um mês sem comida, mas somente alguns dias sem água. Você deve encontrar água a todo custo; a umidade das plantas ajuda a hidratar. A 32 graus centígrados pode-se viver sem água entre cinco e sete dias. A 15 graus pode-se viver entre oito e dez dias. – Dr. William Forgey – autor de Wilderness Medicine.
  7. Tire a roupa molhada e se aproxime de quem estiver do seu lado. Compartilhar o calor corporal pode salvar a sua vida. – Evite a Hipotermia. Larry and Saul – À Deriva.
  8. Se sua caminhada é noturna  leve equipamentos par sua segurança, lanternas, pilhas sobressalentes, alimentação quente e roupas adequadas para o frio…
  9. Use protetor solar, protetor labial, bonés, lenços para a parte posterior do pescoço, além de camisas e calças especiais. Mesmo que o sol e o calor não pareçam intensos, devem ser evitados ao máximo. Suas ações são acumulativas e perigosas. O Aventureiro pode se tornar um candidato a queimaduras, desidratações graves e/ou hipertermia.
  10. Atitudes como não fazer uma fogueira, mas usar um fogareiro, ou armar uma barraca sobre pedras e não sobre vegetação para não degradá-la podem fazer toda a diferença se considerado o volume de pessoas que fazem as mesmas atividades nos mesmos locais durante décadas.

 

Compartilhe
100
aguarde...

Cadastro de e-mail

Quer ser notificado por e-mail sempre que tivermos novas aventuras na agenda?